ÚLTIMAS NOTÍCIAS / A BUSCA POR MELHORIAS, NÃO PARA!

Lideranças apresentaram proposta alternativa e aguardam retorno do Estado

Quinta-feira, 04 de abril de 2019

Visualizada 382 vezes


Lideranças de Turvo estiveram na última semana em Curitiba para discutir com o Governo do Estado soluções para a questão da rodovia João Maria de Jesus, que liga a PR 466 ao distrito de Faxinal da Boa Vista.

Participaram das reuniões o prefeito Jeronimo do Rosário, vice prefeito Aroldo Leão, secretário de Indústria, Comércio e Desenvolvimento, Cezar Machado, o presidente da Câmara, Eraldo Mattos de Oliveira, pelos vereadores Carlos Alberto Schimanski, Antonio Schinemann Sobrinho, Cristóforo Kelniar, Nelson Carriel e Josnei Neves, o ex-prefeito Marcos Seguro e o representante da Ibema Papelcartão, Marcos Barros, que se reuniram com o secretário de Infraestrutura Logística (Seil), Sandro Alex, e com o presidente da Agência Paraná de Desenvolvimento (APD), José Eduardo Bekin.

Ao secretário Sandro Alex, as lideranças destacaram a importância da obra, pela movimentação econômico e pelo grande fluxo de pessoas que circulam pelo local. “O secretário se sensibilizou com a situação e assegurou que irá agilizar os trâmites para a retomada do andamento do projeto”, explicou o prefeito Jeronimo.

Já na Agência Paraná de Desenvolvimento, o presidente também recebeu um relatório completo da estrutura da Ibema Papelcartão, apresentado por Marcos Barros, e garantiu que também irá agilizar os trabalhos para a execução da obra. “O governo ratinho Junior ainda está tomando conhecimento de toda a situação do Estado, mas nós estamos buscando de todas as formas agilizar o andamento do projeto, para que esta obra seja executada o mais breve possível”, destacou o prefeito.

Ainda APD, foi apresentado o cronograma de investimentos da Ibema para os próximos anos.  

Uma das alternativas apresentadas ao Governo do Estado é um projeto alternativo. Através dessa nova proposta, o município propôs a união entre o município, que aportará uma contrapartida financeira que está sendo viabilizada através de financiamento, a Ibema também aportará valores e o Estado também disporia de recursos para o investimento num recape emergencial. Através dessa Parceria Público Privada (PPP) seria realizado um recapeamento da rodovia, até que o projeto de reconstrução total do asfalto seja viabilizado.“Esta é uma alternativa para uma obra de recape emergencial. Nós acreditamos que o Governo se sensibilizou com a situação da empresa e de todos que utilizam a rodovia. Não estamos medindo esforços para solucionar esta questão o mais breve possível”, concluiu o prefeito.

Esta semana, o prefeito Jeronimo deve retornar a Curitiba para verificar o andamento do projeto e discutir as alternativas apresentadas ao Governo do Estado.  

Fonte: GR+ Notícias

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

Última Atualização do site:  18/07/2019 15:17:48